Educação Ambiental na EBI dos Biscoitos

A Escola constitui um espaço de excelência para o desenvolvimento de cidadãos mais participativos e ambientalmente mais conscientes.

2006/11/22

Dia Nacional do Mar


Comemorou-se no passado dia 16 de Novembro o Dia Nacional do Mar. Um evento que possui uma vertente conservacionista do ambiente marinho e tem despertado a opinião pública para os perigos que decorrem da excessiva exploração dos seus recursos, uma das principais ameaças à sobrevivência das espécies.
Uma vez mais, a EB1/JI do Raminho convidou um especialista da Universidade dos Açores, o Professor Doutor João Pedro Barreiros, para desenvolver o tema "Biodiversidade Marinha dos Açores - recursos vivos a preservar" junto das crianças, despertando-as para a beleza da interacção que as diversas espécies marinhas estabelecem entre si e o meio ambiente onde habitam.


Num ambiente de franca concentração e entusiasmo, as crianças visionaram especificidades, bastante curiosas, de algumas espécies animais e vegetais, tais como as caravelas, as águas vivas (seres mais perigosos do que os tubarões) os corais (quando queimados enegrecem, sendo utilizados na confecção de jóias), anémonas que têm tentáculos e polvos que possuem braços...

Que existe um manancial de vida que "fervilha" no oceano, o sustenta e particulariza na sua riqueza e beleza conjugadas.

Ainda no que se refere à diversidade da vida marinha e dos seus comportamentos, os mais pequenos ficaram a saber que os peixes que possuem uma cauda em formato de lua nadam sem cessar; que existem peixes que fazem "a higiene a outros peixes" - é o caso do peixe cardeal, limpador do moreão; que há peixes que lutam sem se tocar, as famosas "lutas de olhos" - é o caso das solhas, cientificamente designados por combates ritualizados, em que ganha o indivíduo que afasta mais os olhos...

No final, houve tempo para a apresentação de um projecto sobre os tubarões de um dos alunos do 4º ano com a ajuda de "quem conhece o mundo marinho como peixe está na água" e ficou formalizada a deslocação à costa, na Primavera, com intuito de capturar espécies das poças de maré para o aquário da escola.

12 Comentários:

Enviar um comentário

<< Home